quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Criando Serumaninhos


Inchydoney beach 16.07.17
Liam pediu ajuda . . . Conor estendeu a mão 




Esses dias fomos a um play date .

Preciso antes explicar que meus filhos são muito amorosos e bem educadinhos .
Não batem e não tomam brinquedos de outras crianças . Não curtem muito dividir seus próprios brinquedos mas na idade deles que criança , curte ?
Então quando alguém toma brinquedo das mãos deles , eles logo veem choramingando pro meu lado . Quando eu tenho intimidade com a mãe da cria eu vou e argumento com o(a) menino(a) que não é certo e que podemos revezar e blá blá blá . Quando eles não me acham por perto reclamam com o adulto mais próximo .

Eu achava o máximo .

Achava .

Veja bem , mês que vem o Conor começa na escola . Agora ao invés de 1 educadora na sala para cada 6 crianças , será apensas UMA tia para 20  . . . Sinistro , não é mesmo ? !  Até chegar na professora ele já esqueceu do que estava indo reclamar . Então agora quando eles chegam reclamando eu digo para eles resolverem , para entrarem num acordo para aprenderem a se virar e fico de longe observando .

E nesse playdate , com outras crianças mais ou menos da mesma idade deles , foi a primeira vez que eu botei minha teoria em prática .

Liam veio pra mim todo manhoso : - Mainhê , o C. pegou o carrinho da minha mão !

E eu respondi : - Vai lá meu filho , você já está grande , resolve . Conversa com ele !

Ele parou , pensou por uns segundos , foi bem pertinho do Conor e disse : - Conor , vem comigo ? O C. pegou o carrinho da minha mão . Vamos lá pegar de volta ?

O Conor terminou rapidinho o que estava fazendo e foi junto com o irmão , de backup.
E eu e a mamãe do C. que assistíamos tudo isso de longe achamos aquela cena a coisa mais linda do mundo (pelo menos eu achei . Ha)  E o mais legal foi que eles resgataram o carrinho na lábia , sem choro e nem pirraça .

E eu me orgulhei desses guris que eu botei no mundo , me orgulhei também dessa união deles mas morro de medo que eles sejam bullied ou tirados por bobões por serem tão bons , sabe ?!

Às vezes é tão difícil criar serumaninhos . Não mando bater mas também não quero que apanhem quietos . . . A linha entre uma coisa e outra é muito fina .

Só de pensar que a partir de Setembro eles estudarão em escolinhas diferentes , por 1 ano inteiro , já me dá uma certa angústia . Durante a pré-escola eles sempre estudaram em salas diferentes mas uma do lado da outra . Um sempre sabia que o outro estava lá e quando tinham uma atividade onde as turmas se encontravam eles SEMPRE ficavam juntos .

Enfim , eu espero que 3 horinhas diárias distantes não abale essa união linda deles .

Diz que sim !

Me diga que a união é indestrutível e que será assim pro resto da vida , concorda aí comigo para acalmar meu coração , vai !?!

2 comentários:

  1. Muito lindos! Que eles sigam de mãos dadas pro resto da vida, independência de geografia.

    ResponderExcluir
  2. Teus filhos são uns queridos!! Isso vai ser muito bom para os dois se tornarem mais independente, não que eles não sejam mais eu digo na questão de resolver os probleminhas deles, principalmente para o Liam, tenha fé que tudo vai correr bem ��

    ResponderExcluir