terça-feira, 28 de abril de 2015

Chickenpox Partay!

Liam pegou catapora na rua e o Conor pegou catapora do Liam .

Pro Conor não ficar triste que não passou catapora pra ninguém eu topei , contra a minha vontade , em participar de uma chickenpox party , onde crianças saudáveis brincam inocentemente com crianças doentes pura e simplesmente porque os pais decidiram que já passou da hora das suas crias pegarem a bendita , porque ter catapora nas férias escolares é sucesso total assim filho não perde escola e pai não perde trabalho .

Eu acho estranho , não teria coragem de fazer com um filho meu mas entendo , vai !?
E além do mais por causa da catapora já fazia um tempinho que os meninos não brincavam com ninguém além da mommy que vos escreve . . . Tédio estava estampado na testa deles e eu confesso que já estava cansando de inventar brincadeiras , de não poder levá-los pra brincar no parque e com outros amiguinhos .

Por causa da catapora a TV ficou ligada mais tempo que deveria e agora Conor tem uma paixão : Pocoyo !

E por causa dela também ,  tivemos que adiar a festinha de comemoração de 1 ano de vida Liam .

Chato , né ?

Então lá fomos nós espalhar catapora pelo bairro . Fazia um dia lindo !
Conor que tinha acabado de pegar do irmão foi sucesso . Ele corria pra todos os lados pulava , se jogava no chão igual cachorro se esfregando na grama quando encontra algo fedorento , sabe ? 

Ele se divertiu , Liam se divertiu e no final de semana passado o vizinho veio me falar que o saldo da festa foi positivo : das 7 crianças que lá estavam 4 viraram galinha pintadinha . 

Agora elas que façam festinha entre elas , né ?

E você ? Levaria as suas crias para um playdate pra pegarem catapora propositalmente ?



. . . E o galo carijó . . .
A galinha pintadinha . . .

6 comentários:

  1. Ai, Liza… eu não sei se levaria, não mas mais do que entendo quem faz isso. Eu, por exemplo, nunca tive catapora e durante a minha última gravidez tiveram 2 surtos na creche do Erik. Por saber da minha gravidez, nas duas vezes a gerente me ligou dizendo que sim, o Erik tinha estado em contato com a criança contaminada e que eu deveria procurar meu GP. Nas duas vezes liguei para o hospital e nas duas vezes tive que ir CORRENDO fazer um teste para saber se eu tinha pegado ainda antes de qualquer sintoma aparecer. Em alguns meses da gravidez, início e fim o risco do bebê nascer com alguma deficiência, ou até morrer, é enorme, ou seja, é um perigo. Morri de medo de pegar.Fiquei pensando que se eu tivesse tido enquanto criança não teria colocado meu filho em risco.
    Agora que chato ter que adiar a festa, hein? Eu lido tão mal com imprevistos, teria ficado arrasada.
    Beijos em vocês todos

    ResponderExcluir
  2. Nunca ouvi tamanho absurdo! Catapora nem sempre é leve e pode trazer sérias consequências. Antigamente não existia vacina mas agora não entendo como podem deixar de aplica-la quando a criança atinge a idade recomendada. Se todas as crianças tomassem não haveria o risco de contaminação. O fato de alguns pais deixarem de dar as vacinas necessárias está trazendo a volta de doenças que estavam praticamente extintas. Existem pessoas que acham que as vacinas são culpadas de certas síndromes, outro absurdo. Temos que pensar nas consequências de tudo isso.
    Você fez o que lhe pediram e felizmente os seu lindos bebes ficarem bem.
    Abraços
    Rose

    ResponderExcluir
  3. Não sei sei eu levaria, mas entendo quem o faz. Acho que quando a criança está na escola mesmo a coisa muda de figura né...
    Te vejo na festinha... 😉😚

    ResponderExcluir
  4. Tipo assim... Eu acho que eu levaria. Cresci frustrada pq todos os meus vizinhos tiveram todas as doenças de criança possíveis e eu só tive catapora. Tive depois de todo mundo ter tido e pq com certeza Deus teve pena de mim. rsrsrs 😝😝😝 Hoje, com 31 anos, morro de medo de pegar um treco. Já pensou???? Já avisei meu marido que meu enteado (tem quase 8 anos) estará proibido de vir pra cá, CASO tenha uma doença de criança. Pode parecer bobeira, mas como o anônimo citou, pode trazer consequências sérias, principalmente na fase adulta. Por isso eu acho que eu apoio festinha aí, viu... rsrsrs
    Beijo Liga
    Priscila

    ResponderExcluir
  5. Aqui também não oferecem essa vacina, ela não faz mais parte do calendário de vacinação. Eu tenho muito medo de vacinas e escolho a dedo as que dou no meu filho, porque acho que nem todas são necessárias. Existe muita coisa bizarra acontecendo com bebes e crianças vacinadas com vírus atenuado, que e o caso da varicela.

    A catapora não faz mais parte do calendário pelo fato de a eficacia da vacina ser relativamente baixa, em torno de 70%. Então concluíram que e menor pior uma pessoa pegar na fase infantil, geralmente forma mais branda, do que mais tarde, já adulto, podendo ser um grande risco pra mulheres gravidas, por exemplo. A unica forma de criar imunidade 99% e contraindo a varicela, infelizmente.

    Assim como a Nívea, eu também nunca peguei catapora e hoje estou no grupo de risco aqui na Holanda. Estranho, ne, ser vacinada e fazer parte do grupo de risco. Mas faz muit9o sentido, ja que a vacina não me protege 100%.

    Eu tive que tomar um reforço assim que cheguei do Brasil, tive que fazer um pedido especial e pagar do meu bolso, e não foi barato. Daqui a 4 anos vou ter que fazer a mesma coisa, tomar um reforço. Nessas horas eu preferia ter pego a doença quando ainda criança, hoje não estaria presa a essas doses de vacina sem eficacia garantida.

    Mas respondendo a sua pergunta, eu não levaria o Thomas pra uma "festa" dessas, acho ate meio absurda essa ideia. Sei que ele vai pegar porque tem contato com outras crianças, mas vai ser de forma natural, sem exposição forcada.

    ResponderExcluir
  6. É entendo o lado racional da coisa toda (e dos ingles), mas coragem mesmo pra fazer, acho que eu não teria.
    Ainda bem que já tive quando era pequena...
    Ainda bem os bombons ja estao melhores. E você? Bem?

    ResponderExcluir